Casa Mathilde: seus doces e bonita história de 1850

Sabe quando sentimos vergonha de não conhecer algo muito tradicional na cidade em que moramos? Então, a Casa Mathilde é um desses exemplos. Conhecemos o lugar após indicação de uma amiga da Bruna. E depois de pesquisar, descobrimos a bacana história que o local carrega. Com início em 1850, em Portugal, a Casa Mathilde era uma fábrica de queijadas, o negócio era tão bom  que o rei da época emitiu uma espécie de diploma que dizia que ali se fazia a queijada preferida dele.

Pastel de nata e Parra. Foto: ExperiMenteSP

Ficamos com muita vontade de ir, mas não marcamos data.  Acabamos deixando para depois. Mas durante um passeio ao Centro de SP, em que visitamos o Ed. Matarazzo e o Ed. Martinelli – passeios que renderão posts bacanas aqui no blog -, o destino fez o trabalho sujo e tomou conta de fazer nosso caminho cruzar com a doceira, não pensamos duas vezes.

O lugar é uma mistura de padaria com lanchonete e restaurante. Podemos pedir coisas no balcão – que é bem grande e tem MUITOS doces e pães – ou direto na mesa.

Empada e sanduíches. Foto: ExperiMenteSP

Para começar, como estávamos com muita fome, pedimos uma empada de camarão (R$ 9,30) e dois sanduíches;  um de salmão defumado com cream cheese (R$ 24,50)  e outro, que foi indicação do garçom, de carne assada de lombo suíno (R$ 18). Tudo muito bom e vale como uma refeição! A Bruna não aguentou comer o lanche dela inteiro, tivemos que pedir para embrulhar para viagem. 

Empada de Camarão e Sanduíches de Salmão Defumado e Carne Assada. Foto: ExperiMenteSP

Não demorou muito para embarcarmos para os doces – que foi o que nos levou até a doceria. Pegamos dois pasteizinhos de nata (R$ 6,80), um Jesuíta (massa folhada, creme de ovo, canela e açúcar caramelizado,  R$ 6,80)  e Parra (um doce de chocolate com amendoa caramelizada, R$ 8). Sem sombra de dúvidas foi o melhor pastel de nata que tanto eu quanto a Bruna já provamos, realmente é espetacular; o jesuíta é um doce de mil folhas muito crocante, também estava muito bom. Já  o chocolate foi uma bela surpresa no início da mordida o gosto é de chocolate normal, porém durante a mastigação gosto vai acentuando e causando uma explosão de felicidade na boca. hahaha

Jesuíta. Foto: ExperiMenteSP

Além de tudo, o ambiente tem uma bela vista para a Praça Antonio Prado. Gostamos muito e pretendemos voltar em breve para provar mais delícias!

Casa Mathilde
Onde: Praça Antonio Prado, 76 – Centro
Preço: de R$30 a R$50
Site: http://casamathilde.com.br/

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *