Coxinha de frango e caipirinha com sabores diferentes são os destaques do novo bar da ZS

Na Zona Sul de São Paulo e em meio a um bairro residencial, o Boteco Brasuca conta com detalhes brasileiros, receitas familiares e bastante entusiasmo. Fomos convidados pelo nosso amigo Rodrigo Kehdi para conhecer o bar recém-inaugurado.

O que ele achou: Lugar pequeno e aconchegante com cores marcantes e ambiente que me fez sentir bem. Como é localizado em meio a residências, a criançada estava na rua, correndo e andamento de bicicleta. Bom, né?

Eles têm pratos comuns como asinhas de frango, hambúrguer e caipirinhas, porém com temperos ousados e combinações diferentes. Começamos experimentando um espetinho com a maionese da casa que é bem saborosa e levinha. Provamos também as caipirinhas, a de banana com canela é bem interessante, mas a de iogurte eu achei muito maneira, muito diferente!

Não demorou para embarcarmos na porção que é o carro chefe da casa, a “Coxinha da D. Maria” que são sensacionais, muito gostosas, com um casquinha fininha e bem crocante. Provamos também o lanche “Brasuca Premium”, no qual sentimos sabores nunca antes encontrados em um hambúrguer. Lanche muito bem temperado e com incríveis toques que remete à culinária nordestina. Afff, golpe muito baixo.

O que ela achou: Um lugar recém-inaugurado com gostinho de tradição. Até parece que visitamos um bar com muitos anos de casa: petiscos mais pedidos e clientes fiéis. Foi assim que me senti ao chegar no Brasuca. Adoro esses lugares próximos de residências, nada mais gostoso do que poder ir a um lugar a pé e curtir sua vizinhança. Para quem mora na Zona Sul de São Paulo, o bar é parada obrigatória.

Já disse aqui como fico impressionada com a criatividade dos botecos de SP, né? Pois repito. A “Coxinha da D. Maria” leva tradição familiar e foi complementada com uma deliciosa maionese da casa. A coxinha, como dá para ver pela foto, é aquelas da asa do frango mesmo, só que empanada e frita. Fica sequinha e crocante.

O que me chamou a atenção também foram as caipirinhas. Provamos a de banana com canela e a de iogurte. Sabores um tanto quanto inusitados, não é? Mas ficaram bem gostosos. Nunca tinha visto em nenhum lugar. Ponto pela criatividade.

Dividimos também um dos lanches mais pedidos da casa, o “Brasuca Premium”. Dificilmente encontramos lanches bons em botecos, mas no Brasuca conseguimos perceber que a qualidade dos produtos prevalece. O sabor é muito diferente, tinha uma “pegada” nordestina no tempero. Muito bom.

Boteco Brasuca
Quanto: R$ 30 a R$ 60
Endereços: Rua Paturi, 356 – Vila Gea

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *